Tahur Vieira

Para tomar a melhor decisão ao comprar ou alugar um imóvel é importante que a planta do imóvel seja adequada para você. Aprenda a definir suas prioridades!

Ao procurar um novo imóvel, é comum surgirem muitas dúvidas. Localização, oferta de comércio e de escolas, proximidade do trabalho e opções de transporte são alguns pontos a serem levados em conta. Mas provavelmente a questão que gera mais indecisão é o tamanho do apartamento e a distribuição da planta do imóvel.

Neste artigo, vamos ajudá-lo a definir quais são os pontos que devem ser levados em consideração ao determinar o tamanho ideal da sua nova moradia. Descubra que critérios são essenciais para você e prepare-se para fazer a melhor escolha sobre seu próximo imóvel.

Como avaliar qual é o tamanho ideal de imóvel?

A nova rotina que vivemos exige bastante de qualquer pessoa. Nesse contexto, a nossa moradia se torna cada vez mais um refúgio, um espaço quase sagrado onde se pode relaxar após os desafios do dia-a-dia. E é justamente a sua rotina que vai determinar o tamanho do imóvel ideal para você e sua família.

A seguir, confira as dicas que separamos para ajudá-lo a listar suas prioridades ao avaliar a planta de um imóvel!

1. Tamanho da família

Ninguém quer se sentir desconfortável em casa, certo? A sua família não é diferente. Considerar o número de moradores é o ponto crucial para definir o tamanho do imóvel ideal. 

Com filhos adolescentes, o melhor é que cada um tenha seu próprio quarto. Quando são crianças, dependendo da idade, pode funcionar que dividam o espaço. Seus pais vão morar com você ou lhe visitam com frequência? Isso também deve ser ponderado. 

2. Estilo de vida

Os hábitos dos moradores precisam ser levados em conta durante a busca pelo imóvel. Se você é mais caseiro e gosta de receber os amigos em casa, faz bastante sentido ter uma sala espaçosa ou uma varanda gourmet.

Já aqueles que têm uma rotina mais agitada, com muitas viagens a trabalho e a lazer, por exemplo, podem preferir um imóvel menor. Isso evita que, entre um compromisso e outro, você ainda tenha uma moradia inteira para organizar.

3. Planejamento do primeiro filho

Quem se casou há pouco tempo e está comprando o primeiro imóvel pode estar planejando também a chegada do primeiro filho. É importante que a criança tenha um espaço só dela – ou que seja dividido apenas com irmãos. 

Sendo assim, imóveis com pelo menos dois quartos devem ser o alvo da sua busca. Ao conviver com seu próprio espaço, seu filho irá desenvolver mais o sentimento de autonomia e de responsabilidade por seus objetos.

4. Espaço para home office

Cada dia mais empresas estão aderindo ao esquema de home office. Trabalhar em casa tem diversas vantagens, como não ficar preso no trânsito, por exemplo. Mas é preciso disciplina e organização para dar certo. Parte importante do sucesso do trabalho remoto é ter um ambiente dedicado ao escritório em casa

Se vai cumprir seu expediente de casa alguns dias por semana, pense que o imóvel novo deve ter um espaço para colocar uma mesa de escritório. Dependendo da planta do imóvel, pode ser em um canto da sala ou em um dos quartos.

5. Área para o pet

É claro que o tamanho do seu animal de estimação vai determinar o quanto de espaço ele precisa. Mas além de área para brincadeiras, é preciso definir um espaço para os potes de água e comida e para o jornal, tapete higiênico ou caixa de areia (no caso dos gatos). 

Por isso, pode ser interessante buscar imóveis com uma área de serviço maior, que comporte um cantinho para as necessidades do pet.

6. Tamanho, limpeza e organização

Como mencionamos, considerar o estilo de vida dos moradores é essencial para definir o tamanho do imóvel que eles precisam. É preciso lembrar que, quanto maior o imóvel, mais tempo deverá ser dedicado à sua manutenção.

Caso você tenha um dia a dia muito corrido e não conte com ajuda profissional frequente para limpeza e organização, pode ser interessante considerar um apartamento médio, entre 60m² e 90m². Assim, é possível manter tudo organizado sem estresse.

7. Garagem e áreas de lazer

Quem já tem um carro ou pretende comprar no futuro certamente vai levar em consideração se o imóvel tem vaga de garagem. No caso de condomínios mais novos, geralmente cada apartamento possui vaga para pelo menos um carro. Mesmo que você não tenha um automóvel, pode ser vantajoso comprar um imóvel com garagem, uma vez que é possível alugar a vaga para algum vizinho.

As áreas comuns do prédio também devem ser observadas. As famílias com filhos costumam optar por condomínios com área de lazer, como playground e piscina. Moradores mais jovens podem se interessar por espaço para pet, academia e lavanderia coletiva. Tudo depende do seu estilo de vida e das suas necessidades.

A Predial te ajuda a encontrar o imóvel ideal

Tem o sonho de morar mais perto do trabalho, em um imóvel maior ou até mesmo de se mudar para um imóvel menor? 

A Predial pode ajudar você a encontrar o imóvel ideal! Hoje, temos imóveis de 25 m² a 500 m² para locação e venda.

Navegue no site para conhecer os imóveis e entre em contato para agendar suas visitas!